You are currently viewing Qual é a diferença entre psicólogo, psiquiatra e psicanalista?

Qual é a diferença entre psicólogo, psiquiatra e psicanalista?

Entender a diferença entre psicólogo, psiquiatra e psicanalista costuma confundir bastante as pessoas quando sentem que precisam do auxílio de um profissional focado em melhorar a saúde mental.

No entanto, esses profissionais contam com formações diferentes e enfoques distintos entre si. Para saber as diferenças entre eles, siga até o fim deste artigo.

O que faz o psiquiatra?

Antes de mais nada, o psiquiatra é um médico. Sua formação em Medicina antecede a escolha pela residência em Psiquiatria.

Sua formação leva entre dois e três anos, após o curso de Medicina, e envolve estudos em neurologia, psicofarmacologia e transtornos mentais.

A residência consiste em realizar atendimentos em hospitais psiquiátricos, clínicas de saúde mental e instituições dessa área para conquistar o título.

Devido à formação em Medicina, o psiquiatra está apto a diagnosticar e tratar transtornos mentais, assim como prescrever medicamentos antidepressivos e ansiolíticos.

Algo que psicólogos e psicanalistas não tem permissão em suas atuações.

O papel do psicólogo

Enquanto isso, o psicólogo é o profissional que passou por graduação em Psicologia em um curso superior com 5 anos de duração.

Ao final do curso, passam por estágio supervisionado. Depois de formados, podem atender em clínicas, empresas, escolas, clubes esportivos, entre outros.

Quando atende em um consultório como psicoterapeuta, é comum que faça novas especializações e foque em um público específico: crianças, famílias, hospitalar, entre outras.

Também auxiliam pacientes que contam com transtornos mentais ou sofrimentos emocionais.

São recomendados, principalmente, em casos onde o paciente precisa de uma mudança de comportamento mas não entende por onde iniciar.

Psicanalista

Por sua vez, o psicanalista pode ter formação em qualquer área do conhecimento. Mesmo assim, na maior parte das vezes, quem procura a formação em psicanálise são profissionais psicólogos e psicanalistas.

Essa formação é realizada através de um curso, normalmente, feito após a graduação e disponibilizado por uma instituição de ensino de psicanálise.

A metodologia de tratamento usa como base a teoria psicanalítica do médico austríaco Sigmund Freud. Apesar de ter utilizado conceitos de biologia, neurociência e física para formular e fundamentar hipóteses, a psicanálise não conta com status científico.

O psicanalista avalia e interpreta o indivíduo através de seu inconsciente, interpretando suas palavras, ações e seus pensamentos.

Sempre baseado em transferência e associações livres. Isso significa que um psiquiatra ou psicólogo pode formar-se psicanalista para aprofundar e aperfeiçoar suas práticas.

No entanto, o profissional que não atua nessas áreas e possui outra formação, não está apto a realizar diagnósticos e conduzir tratamentos em relação a transtornos mentais.

Psicólogo, psiquiatra e psicanalista podem se complementar?

Perfeitamente! Nenhuma situação é tratada de forma unifatorial. Ao procurar um psiquiatra, devemos lembrar que trata-se de um médico capaz de diagnosticar se algum mal estar é decorrente de doença.

Assim como, ao realizar tratamento de um transtorno, a psicanálise e a psicoterapia podem ser ferramentas de autoconhecimento e domínio de si próprio.

Deu para entender as diferenças entre diferença entre psicólogo, psiquiatra e psicanalista? Espero ter esclarecido dúvidas. 

Até a próxima!

Deixe um comentário